quinta-feira, 28 de junho de 2007

Clima


O clima do Brasil na região da Mata Atlântica está inserida na faixa de transição entre o clima tropical e subtropical.
A proximidade do oceano, a dinâmica atmosférica regional, e os traços de relevo contribuem para tornar o clima local predominantemente quente e úmido, carcterizado por temperaturas altas, nebulosidade no alto das montanhas e umidade elevada.
A distribuição das chuvas nesta parte do Brasil é bastante irregular, mas de um modo geral, o periodo mais frío e seco vai de abril a setembro (inverno) e o
mais quente e chuvoso, de outubro a março (verão).

As médias pluviométricas são elevadas na subformação Montana da Serra (cerca de 2.000 mm) e também no litoral (1.700 mm). Na subformação Altomontana da Serra do Mar chegam a ocorrer médias superiores a 3.000 mm, algo comparável ao que acontece na Amazônia. No inverno, nos meses de junho, julio e agosto a temperatura mínima pode atingir menos de 10ºC e no verão, nos meses de dezembro, janeiro e fevreiro, a máxima oscila entre 37ºC e 40ºC.
Por evaporação continua, as águas do mar, transformados em massa de umidade, são transportados pelos ventos para o continente e comprimidas de encontro aos paredões das serras, sendo obrigados a se elevar. Sofrem então resfriamento ao atingir as temperaturas mais baixas dominantes nas partes altas das montanhas. A umidade se condensa sob a forma de neblina ou de chuvas, responsáveis pela umidade da região e condicionadoras do tipo da Vegetação e Flora que alli se desenvolve.

3 comentários:

Anônimo disse...

Achei um site muito bom para tratamento com plantas medicinais o Link é:

www.chamedicinal.com.br

Vitor de Paula Brandão disse...

Parabéns pela Matéria...

Vitor de Paula Brandão disse...

Parabéns pela Matéria...